Jornal Tribuna Sisaleira

Jornal Tribuna Sisaleira

Empresário é morto com vários tiros após ceia de Natal

Empresário é morto com vários tiros após ceia de Natal. O empresário Eduardo Nascimento, 35 anos, que trabalhava também como assessor de vereador, foi assassinado com vários tiros na noite de segunda-feira (24), em Porto Seguro, no Extremo Sul da Bahia. Ele foi atingido na cabeça, tórax e braço. De acordo com a Polícia Civil, a vítima tinha saído de casa de carro após a ceia de Natal para comprar uma sobremesa e, quando retornou foi surpreendido pelos atiradores na porta da residência, situada no bairro Cambolo.
A vítima se apresentava como proprietário da Gráfica Collor, que na Receita Federal está registrada em nome de Allan Lima Nascimento e José Luiz Nascimento, e era assessor do vereador Antonio Geraldo Ferreira Couto (PHS), o Geraldo Contador.
A Polícia Civil informou que ainda não tem informações sobre autoria ou motivação do crime. O vereador Geraldo Contador informou que trabalha com Nascimento há 6 anos, e que não tem informações sobre se ele vinha sofrendo ameaças.
“Ele era uma pessoa do bem, estamos chocados com essa morte, sobretudo pela forma como ela ocorreu”, disse o vereador, segundo o qual o corpo da vítima estava até o meio dia desta terça-feira no Instituto Médico Legal de Porto Seguro.
Com 146 mil habitantes, Porto Seguro é a quarta cidade com mais homicídios dolosos do Brasil, segundo o Atlas da Violência 2018, que registrou taxa de homicídios de 101,7 homicídios por cada 100 mil moradores, quando o índice aceitável pelas Nações Unidas é de 10 por cada 100 mil habitantes.
De acordo com dados da Secretaria de Segurança Pública da Bahia, de janeiro a setembro de 2018, em Porto Seguro, ocorreram 74 homicídios dolosos, enquanto que em 2017 a quantidade de crimes desse tipo chegou a 100. Em 2016 foram 90 homicídios.