Jornal Tribuna Sisaleira

Jornal Tribuna Sisaleira

FESTA DE REIS 2019 NA CASA DE NENCA E ZÉ PINHO EM ARACI

Mais um ano que se inicia e com ele a nossa Festa de Reis, data ímpar para Araci, na qual celebramos o aniversário de Edivaldo Pinho, assim como mais um ano de casamento de Edvaldo e Nenca. Este ano, 2019, não pode ser diferente dos demais e abrimos mais uma vez nossa casa para acolher a toda a gente querida de Araci. Infelizmente alguns mestres do reisado já não estão mais entre nós, porém homenagearemos a todos (em memoria) pois na tradicional festa de Reis a historia é preservada e a tradição mantida. "Recordo no dia do meu casamento (06/01/82), onde o Reisado do Boi de janeiro nos recepcionou na porta da Igreja com o Reisado dos Santos Reis!" Disse Nenca.

Estaremos esperando por todos na minha casa (Nenca) dia 06 de Janeiro a partir das 19hs.

Im memorium (compadre Luís Bagaço, Antônio Bagaço e o nosso querido Eduardo ( ITO ) o nosso vaqueiro que morreu no ano passado).



SUCESSO A FESTA DE REIS NA RESIDENCIA DE ZÉ PINHO E NENCA

SUCESSO a Festa de Reis na residencia de Zé Pinho e Nenca na cidade de Araci. A Tradição Popular, consagrada com muita alegria e descontração na casa da ex-prefeita Nenca, neste sábado dia, 06 de Janeiro de 2018, onde a residencia dos Pinhos ficou pequena e foi tomada pelo povo que comemoraram com festa e alegria o aniversário de ZÉ PINHO.

Festejar o dia de Santo Reis na casa do senhor Edvaldo Pinho e Nenca, já é uma tradição de dezenas de anos, r o aniversariante (Edvaldo) comemora seu aniversário de nascimento e o aniversário de casamento do casal, que faz questão de festejar com os grupos de Reisados, os artistas da cultura e o povo que lotou o espaço da residencia.

O bumba meu boi, conhecido em nossa cidade de boi de janeiro, com a companhia da mulinha, do vaqueiro, da fateira e dos cantadores de reis como emana a tradição, trouxeram mais alegria a festa que preserva a tradição saindo as ruas e praças na companhia do povo 

Muita cantoria dos grupos de reisados e com o povo junto como o casal o senhor Edivaldo Pinho e da senhora Edneide Torres Pinho, fizeram e mostraram aos Aracienses, que apesar das dificuldades, da crise, a tradição se manteve e a parceria em prol da cultura e valorização da mesma para a consolidação de nossa identidade sociocultural se manteve presente nesta festa. Alex Lima (Deputado Estadual) e José Nunes (Deputado Federal) também se juntaram a festa e comemoram junto ao povo.

Na Praça Nossa Sra. da Conceição também houve apresentações culturais da Folia de Reis. A festa é uma das mais fortes tradições do município e vem animando a cidade há mais de seis décadas. O festejo, conhecido também como a Festa do Boi de Janeiro, contou com a participação dos Reisados.

Veja os videos...






Festa de Reis Araci - A Tradição Popular, continua na casa da ex-prefeita Nenca em 2018

Festa de Reis Araci - A Tradição Popular, muita alegria e descontração promete na casa da ex-prefeita Nenca. Araci, 06 de Janeiro de 2018, será mais um dia ímpar para o município, em que as ruas da cidade serão tomadas pelo povo que caminharão, cantarão e festejarão o dia de Santo Reis. A casa do senhor Edvaldo Pinho e Nenca promete ser o ponto de partida para os grupos de Reisados e as turmas de artistas.

Portanto, o movimento conta com dois bumbas meu boi (conhecido em nossa cidade de boi de janeiro), uma mulinha, um vaqueiro, fateira e os cantadores de reis como emana a tradição. Com a passagem do reisado pelas ruas percebemos o quanto o povo em meio a Cultural Digital que está presente nesta contemporaneidade, apesar disto, observamos que o povo ainda presa pela sua cultura. Todavia, tanto crianças como adultos se regojjzam com o “boi de janeiro” e, o mesmo como em todas as festas de Santo Reis é à atração mais esperada da criançada.
O Reisado Cangalha Cultural se direciona para a casa do senhor Edivaldo Pinho e da senhora Edneide Torres Pinho, mais conhecida como (Nenca). Pois os mesmos neste dia fazem uma comemoração dupla, pois comemoram o aniversário do senhor Edivaldo Pinho e do casamento dele e de sua esposa. 

Chegando à residência do casal os grupos folclóricos de reisados são recepcionados pelo casal e pelos diversos grupos de reisado da cidade, o grupo Vermelho do Bagaço, Azul do João Vieira, Amarelo do Municipio, o Nossa Senhora da Conceição e o Cngalha Cultural, a Banda de Pífanos da Barreira, entre outros, que fazem questão de comemorar o duplo aniversário e evidentemente festejar o dia de Reis junto com o senhor Edivaldo Pinho e a senhora Edneide Torres Pinho, o que se pode perceber pela massa corpórea que se encontrarão na casa o quanto a população de Araci ama esse casal que tanto tem dando visibilidade para a valorização e divulgação desse festejo que faz parte de nossa identidade histórica/cultural.

Depois da cantoria de cada grupo de reisado, o povo junto como o casal o senhor Edivaldo Pinho e da senhora Edneide Torres Pinho, prometem fazer e mostrar para os Aracienses, que apesar dos avanços tecnológicos que têm adentrado e em muitos casos tirado o brilho daquilo que é a filosofia da festa de Reis. Ambos, junto com o povo concretizaram neste dia seis de janeiro mais uma parceria em prol da cultura e valorização da mesma para a consolidação de nossa identidade sociocultural.
O que pôde se perceber pela expressão corpórea do povo que acompanham o desfile dos bois de janeiro era uma alegria singular pela aquilo que é nosso e que faz parte de nossa história, em quanto construtores da nação cultural brasileira. E diante desse resultado significante e positivo de eventos organizado pelo casal o senhor Edivaldo Pinho e da senhora Edneide Torres Pinho com o senhor Luiz Santana e outros, o evento deste dia seis de janeiro fica marcado como uma festa oportunizadora de reflexão e de como a nossa cultura apesar dos pesares continua marchando rumo a um destino glorioso.
Sabiamente o casal oportuniza o evento que por si só é um movimento de conscientização e divulgação da identidade do povo Araciense, para após a mensagem apresentada aos valores culturais.

Festa de Reis Araci - A Tradição Popular, muita alegria e descontração na casa da ex-prefeita Nenca



Araci, 06 de Janeiro de 2016, foi mais um dia ímpar para o município, em que as ruas da cidade foram tomadas pelo povo que caminharam, cantaram e festejaram o dia de Santo Reis. A caminhada teve início da casa do senhor Luiz Santana e percorreu ruas e avenidas da cidade. Tal percurso foi arrastado pelo grupo de Reisado Cangalha Cultural que tinha como mestre e puxador Luiz Santana e sua turma de artistas.

Portanto, o movimento contou com dois bumbas meu boi (conhecido em nossa cidade de boi de janeiro), uma mulinha, um vaqueiro, fateira e os cantadores de reis como emana a tradição. Com a passagem do reisado pelas ruas percebemos o quanto o povo em meio a Cultural Digital que está presente nesta contemporaneidade, apesar disto, observamos que o povo ainda presa pela sua cultura. Todavia, tanto crianças como adultos se regozijaram com o “boi de janeiro” e, o mesmo como em todas as festas de Santo Reis foi à atração mais esperada da criançada.


O Reisado Cangalha Cultural se direcionou para a casa do senhor Edivaldo Pinho e da senhora Edneide Torres Pinho, mais conhecida como (Nenca). Pois os mesmos neste dia fazem uma comemoração dupla, pois comemoram o aniversário do senhor Edivaldo Pinho e do casamento dele e de sua esposa. 

Chegando à residência do casal o grupo folclórico Cangalha Cultural de reisado, foi recepcionado pelo casal e pelos diversos grupos de reisado da cidade, o grupo Vermelho do Bagaço, Azul do João Vieira, Amarelo do Municipio, o Nossa Senhora da Conceição, a Banda de Pífanos da Barreira, entre outros, que fizeram questão de comemorar o duplo aniversário e evidentemente festejar o dia de Reis junto com o senhor Edivaldo Pinho e a senhora Edneide Torres Pinho, o que pude perceber pela massa corpórea que se encontrava em sua casa o quanto a população de Araci ama esse casal que tanto tem dando visibilidade para a valorização e divulgação desse festejo que faz parte de nossa identidade histórica/cultural.

Depois da cantoria de cada grupo de reisado, o povo junto como o casal o senhor Edivaldo Pinho e da senhora Edneide Torres Pinho, fizeram um passeata cultural pelas ruas da cidade mostrando para os Aracienses, que apesar dos avanços tecnológicos que têm adentrado e em muitos casos tirado o brilho daquilo que é a filosofia da festa de Reis. Ambos, junto com o povo concretizaram neste dia seis de janeiro mais uma parceria em prol da cultura e valorização da mesma para a consolidação de nossa identidade sociocultural.



O que pôde perceber pela expressão corpórea do povo que acompanhavam o desfile dos bois de janeiro era uma alegria singular pela aquilo que é nosso e que faz parte de nossa história, em quanto construtores da nação cultural brasileira. E diante desse resultado significante e positivo do evento organizado pelo casal o senhor Edivaldo Pinho e da senhora Edneide Torres Pinho com o senhor Luiz Santana e outros, o evento deste dia seis de janeiro ficou marcado como uma festa oportunizadora de reflexão e de como a nossa cultura apesar dos pesares continua marchando rumo a um destino glorioso.




Sabiamente o casal oportunizou o evento que por si só é um movimento de conscientização e divulgação da identidade do povo Araciense, para paralelamente trazer à tona a importância do uso de equipamentos obrigatórios para o trânsito, em que o foco foram justamente os condutores de veículos motociclistas e automotivos. No entanto, o casal contou com a parceria do DETRAN, que disponibilizou seu grupo de bailarinos para trazer através da dança uma mensagem de responsabilidade no trânsito. Portanto, após a mensagem apresentada à caminhada continuo passando por outras ruas e foi finalizada na casa dos aniversariantes.