Jornal Tribuna Sisaleira

Jornal Tribuna Sisaleira

TERÇA FEIRA VIOLENTA DEIXAM 4 VITIMAS (ARACI, TUCANO E TEOFILANDIA)

Terça-feira, dia 05 de Fevereiro de 2019, foi marcada de muita violência envolvendo Tucanenses, Aracienses e Teofilandense e deixam um saldo de 4  mortos.

Manhã de terça o senhor, Manoel Santos Silva, de 49 anos, foi encontrado morto em Tucano. 

Tarde de terça e um homicídio envolvendo um jovem da região de rua nova, que sofreu emboscada na BR 116 norte, vitimando “Rai da Rua Nova”. 

Noite de terça uma dupla acusada de roubar uma moto morreu em confronto com a Polícia Militar. O fato ocorreu na noite desta terça-feira (5), por volta das 21h30 no bairro do Lameirinho, em Araci e por volta das 00:45hs, Fredy Dantas, deu entrada no hospital municipal de Araci, vítima de arma branca, sendo cometido por um indivíduo não identificado. Segundo informações de familiares o rapaz passou por uma cirurgia e se encontra em quadro estável e não corre risco de morte.

Ja druante o dia desta terça 2 elementos em uma motocicleta 99 verde fazendo arrastão na malhada grande em Teofilândia, passaram pelo povoado da Maria preta tentaram roubar um celular, a vítima não obedeceu e levou  um tiro no pescoço foi encaminhada  para o hospital de Teofilândia, os elementos seguiram pela estrada principal sentido barrocas viram eles passando pelos povoados de alecrim sentido cedro.


Tucanense é encontrado morto e outro assassinado nesta Terça

Esta terça-feira, dia 05 de Fevereiro de 2019, foi marcada de violencia envolvendo Tucanenses, onde a tarde um homicídio envolvendo um jovem da região de rua nova, que sofreu emboscada na BR 116 norte, vitimando “Rai da Rua Nova” e a na manhã o senhor, Manoel Santos Silva, de 49 anos, foi encontrado morto em Tucano. 

No caso do homicídio na BR 116, informações que indivíduos armados pararam o ônibus que faz linha de Araci a São Paulo e executaram a vitima ainda dentro do veiculo com cerca de seis disparos de arma de fogo. 

Já no caso do senhor Manoel, o corpo foi encontrado por populares dentro da própria residência, no bairro do Entroncamento. A vítima foi encontrada caída no piso da casa e a cabeça sobre um travesseiro, com sinal de esmagamento, provocado por objeto contundente, possivelmente, pedaço de madeira, na região lateral da testa e face.