Tucano - BA

Saiba quem devem ser os primeiros a receber o auxílio emergencial

Embora o calendário de pagamentos do auxílio emergencial só deva ser conhecido após a publicação da Medida Provisória (MP) com os detalhes sobre a nova rodada do benefício, os primeiros a receber as parcelas em 2021 deverão ser os trabalhadores inscritos no Cadastro Único (CadÚnico) do Ministério da Cidadania. 

Logo em seguida, será a vez dos trabalhadores informais que já receberam o benefício em 2020 e possuem cadastro no aplicativo Caixa Tem; e, por último, as famílias incluídas do Bolsa Famíliaque devem começar a receber no dia 16 de abril. As informações são dos jornais O Globo e Extra.

O pagamento deverá começar na primeira semana de abril e se estender até o fim de agosto.

O Cadastro Único é um instrumento para identificar as condições sociais e econômicas de famílias de baixa renda no país. Além disso, permite o acesso aos diversos programas sociais promovidos pelo Governo Federal, tal como Bolsa Família e o auxílio emergencial.


QUAIS SERÃO OS VALORES?

De acordo com o Governo Federal, após a promulgação da PEC que libera o benefício, as parcelas do auxílio emergencial serão menores que as pagas no ano passado, durante primeira onda da pandemia do novo coronavírus. Segundo Guedes, os valores da nova rodada serão de R$ 150 a R$ 375, sendo, em média, R$ 250.  Segundo ele, a distribuição será feita da seguinte forma:

  • Para a família monoparental chefiada por mulher: R$ 375;
  • Casal: R$ 250;
  • Homem sozinho: R$ 150.

QUANDO O AUXÍLIO COMEÇA A SER PAGO? 

O benefício deve começar a ser pago apenas a partir de abril. Serão quatro parcelas, entre abril e julho, podendo chegar também a agosto. Os detalhes serão divulgados em Medida Provisória a ser editada pelo Governo Federal.

VEJA O PASSO A PASSO PARA ATUALIZAR O CADASTRO NO CAIXA TEM

VEJA O CALENDÁRIO PARA ATUALIZAÇÃO DOS DADOS 

A PARTIR DE:

  • 14 de março: nascidos em janeiro
  • 16 de março: nascidos em fevereiro
  • 18 de março: nascidos em março
  • 20 de março: nascidos em abril
  • 22 de março: nascidos em maio
  • 23 de março: nascidos em junho
  • 24 de março: nascidos em julho 
  • 25 de março: nascidos em agosto
  • 26 de março: nascidos em setembro 
  • 29 de março: nascidos em outubro
  • 30 de março: nascidos em novembro 
  • 31 de março: nascidos em dezembro

COMO FAZER A ATUALIZAÇÃO?

A atualização pode ser feita inteiramente pelo celular, não sendo necessário que o beneficiário se desloque até uma agência do banco. Ele deve acessar o aplicativo e seguir as orientações, clicando em "Atualize seu cadastro". Ao clicar, a Caixa pede foto do beneficiário e documentos pessoais.

POSSO DEIXAR DE RECEBER SE NÃO ATUALIZAR O CADASTRO?

A Caixa Econômica Federal informou que a atualização cadastral não é obrigatória e nem será um impedimento para o recebimento de benefícios, como o auxílio emergencial 2021 e o Bolsa Família.

O processo é apenas uma forma de aumentar a segurança dos usuários e evitar tentativas de fraudes. Portanto, quem não conseguir atualizar o cadastro continuará recebendo os benefícios a que tem direito.

DOCUMENTOS NECESSÁRIOS

  • CNH ou RG
  • Comprovante de residência
  • Foto do beneficiário com um dos documentos

Comentários