ARACIENSE RECLAMAM DO ABANDONO DOS PSF DA SEDE E ZONA RURAL.

Aracienses reclama diariamente nas redes sociais e em outros veículos de comunicação sobre o abandono que se encontra os PSF´s.

"Professores passaram mal na regional do caldeirão, foram até o PSF e receberam a informação que tinha que se deslocar para a UPA de Araci, pois a unidade se encontra sem médico e que a Secretária de Saúde de Araci não tem previsão de substituir o médico ausente".

Este entre outros relatos são frequentes nas redes sociais onde as famílias aracienses reclamam diariamente por destrato do poder publico nos PSF´s da sede e da zona rural do município de Araci.

Além da ausência de profissionais da saúde, Médicos e Enfermeiros, nas unidades ainda falta medicamentos e dezenas delas falta o cuidado e a manutenção na infra estrutura do prédio que estão necessitando de reparos,manutenção e reforma urgente a exemplo da laginha.

As mais de 12 unidades dos PSF´s de Araci estão em situação de abandono na sua infra estrutura e muitas delas necessitam urgentemente de manutenção, reparo, reforma e rever o seu atendimento para melhorar o acesso a esta população em especial dos bairros e da zona rural ao serviço de saúde.

Serra Branca, Lajinha, Poço Grande, Várzea da Pedra,  Laginha, Barbosa, Lagoa da Lage, Lagoa do Boi e Bairros do Riacho, Matadouro e Bombinha necessitam urgente de atenção por parte da prefeita Keinha. 

Ainda temos os PSF´s de Coqueiro, João vieira e Ribeira que estão necessitando de mais médicos. A População que necessita destes espaço clama por socorro, já que  estes serviços deveriam servir a população, já que há anos as obras feitas com recursos público, dinheiro dos impostos dos cidadão,  deveriam ter sido concluídas e deveriam estar servindo aos munícipes de Araci estão nesta situação que mostra as fotos e videos aqui nesta matéria.
"Hoje, a situação necessita urgente de atenção e a gestora precisa ter a responsabilidade. Araci precisa ter transparência e fiscalização e a população solicita a presenças dos órgão fiscalizadores: Vereadores, Ministérios Público e a própria prefeita que tome providência sobre o abandono destes PS´S.
Outro problema grave que enfrentamos é o deslocamento de paciente da zona rural para a cidade já que o transporte disponibilizado pela prefeitura não atende a população como deveria.
A Prefeitura de Araci, através da Secretaria Municipal de Saúde, inaugurou várias unidades básica de saúde. Unidades conquistada desde o ano de 2010, junto ao Ministério da Saúde, que deveriam possuir infraestrutura que atenda às normas preconizadas pelo Ministério e possibilitassem a execução de um trabalho seguro para os profissionais e para a população.

Veja abaixo matérias relacionadas ao assunto já públicada.

Fachada do PSF de Caldeirão (ARACI) desaba

Fachada do PSF (Posto de Saúde Famíliar) em Caldeirão desaba na noite desta segunda-feira (04), por volta das 19:30hs, os moradores de Caldeirão escutaram um forte barulho, quando vão observar o que tinha acontecido, se tratava da fachada do PSF que tinha caído, no momento estava ventando.

Ninguém ficou ferido  com o acontecido.

O PSF de Caldeirão, foi inaugurado em 2018 na gestão do ex: Prefeito Silva Neto, a unidade vem atendendo a região de Caldeirão, Barreiro Branco, Bela Vista, Campo Novo, Lagoa Nova, Ovo da Ema, Pau de Rato, Poço do Capim, Queimada do Borge, Terra Dura e Tingui.



METADE (6/12) DOS PSF DE ARACI COMPLETAMENTE ABANDONADOS PELO PREFEITO,SILVA NETO.

Mais uma vez a nossa redação do Tribuna Sisaleira, recebe DENUNCIA dos leitores do nosso portal, a cerca do abandono da saúde em Araci em especial o destrato do que é publico, dos PSF´s, onde de 12 unidades, 6 estão em situação de total abandono a exemplo de: Serra Branca, Lajinha, Poço Grande, Várzea da Pedra, Matadouro e Lagoa do Boi. 
Ainda temos exemplos do PSF de Coqueiro, João vieira e Ribeira que estão sem médicos. A População que necessita destes espaço clama por socorro, já que  estes serviços deveriam servir a população, já que há anos as obras feitas com recursos público, dinheiro dos impostos dos cidadão,  deveriam ter sido concluídas e deveriam estar servindo aos munícipes de Araci estão nesta situação que mostra as fotos e videos aqui nesta matéria.
Hoje, a situação é caótica, a irresponsabilidade do gestor, prefeito de Araci é transparente e a população solicita a presenças dos órgão fiscalizadores (Vereadores, Ministérios Público Municipal, Estadual e Federal)  a se pronunciar e tomar providência e punir os culpados pelo ato de CRIME de má gestão e mal uso do dinheiro público.
A População clama por socorro, o povo de Araci não concorda com esta situação e pede providencias.

Denuncias de 2016...
Araci - PSF desativados, sem inaugurar, sem médicos e sem remédios.

A Prefeitura de Araci, através da Secretaria Municipal de Saúde, inaugurou várias unidades básica de saúde. Unidades conquistada desde o ano de 2010, junto ao Ministério da Saúde, que deveriam possuir infraestrutura que atendenda às normas preconizadas pelo Ministério e possibilitassem a execução de um trabalho seguro para os profissionais e para a população.
Más o que os olhos veem e que o povo sente é o contrário já que na sede de Araci e nos distritos e povoados, as unidades tem dificuldades e não  funciona como deveria.
O poder prefeito Silva Neto e da vice Keinha, são alvos diariamente por parte da população e de representantes do Legislativo de críticas, denuncias e inquietações do estado em que se encontra os PSF’s.
O PSF dos bairros de Riacho e Guarani, em Araci, foram inaugurados e segundo a Prefeitura, a unidade construída sobre novo modelo do Ministério da Saúde, possui infraestrutura que atende às normas preconizadas pelo Ministério e possibilita a execução de um trabalho seguro para os profissionais e para a população. Esta informação não procede, assim como não é real, já que a falta de médicos e medicamentos não asseguram aos moradores destes bairros a  oferta e as melhores condições possíveis ao atendimento.
O que é PSF?
O Ministério da Saúde criou, em 1994, o Programa Saúde da Família (PSF). Seu principal propósito: reorganizar a prática da atenção à saúde em novas bases e substituir o modelo tradicional, levando a saúde para mais perto da família e, com isso, melhorar a qualidade de vida dos brasileiros.
A estratégia do PSF prioriza as ações de prevenção, promoção e recuperação da saúde das pessoas, de forma integral e contínua. O atendimento é prestado na unidade básica de saúde ou no domicílio, pelos profissionais (médicos, enfermeiros, auxiliares de enfermagem e agentes comunitários de saúde) que compõem as equipes de Saúde da Família. Assim, esses profissionais e a população acompanhada criam vínculos de co-responsabilidade, o que facilita a identificação e o atendimento aos problema de saúde da comunidade.
Diante dos ótimos resultados já alcançados, o Ministério da Saúde está estimulando a ampliação do número de equipes de Saúde da Família no Brasil. E, para isso, é fundamental a mobilização das comunidades e dos prefeitos, pois só por intermédio deles as portas dos municípios se abrirão para a saúde entrar.
Um dos bairros mais tradicionais da cidade de Araci está tendo uma atenção especial com relação saúde. Trata-se do bairro São João, conhecido também por Matadouro, que tem recebido as obras da unidade dupla de PSF e que até este momento não disfruta de um ambiente confortável e adequado às necessidades do bairro e região, está a obra abandonada, sem conclusão, sem inauguração.
A construção é fruto de uma parceria com o Governo Federal, através do Ministério da Saúde, que prevê a construção de 12 novas unidades básicas de saúde em bairros e povoados do município. No bairro São João a obra custará em torno de R$ 512.000,00 (quinhentos e doze mil reais), que irão gerar mais saúde à população local e, ao mesmo tempo, geração de emprego e renda durante sua construção e até mesmo em seu funcionamento.
Você sabia que o direito a saúde é um item contido na constituição e que visa garantir o acesso aos serviços básicos de saúde a todos os cidadãos de forma igualitária e sem distinções?.
Ao Estado são imputadas obrigações que vão desde o atendimento médico mais básico ao cidadão como uma simples consulta e vão até mesmo procedimentos médicos de alta complexidade e fornecimento gratuito de medicamentos e insumos de tratamento.
Segundo a Constituição: "Art. 196. A saúde é direito de todos e dever do Estado, garantido mediante políticas sociais e econômicas que visem à redução dos riscos de doença e de outros agravos e o acesso universal e igualitário às ações e serviços para sua promoção, proteção e recuperação".
UBS, PSF E CENTROS DE SAÚDE PRÓXIMOS

Veja o Vídeodo PSF de Poço Grande

Comentários