Jornal Tribuna Sisaleira

Jornal Tribuna Sisaleira

75% dos brasileiros dizem que governo Bolsonaro está no caminho certo, informa pesquisa da CNI

A população está otimista com o governo Jair Bolsonaro. Para 75% dos brasileiros, o presidente eleito e sua equipe estão no caminho certo. Além disso, dois em cada três brasileiros (64%) acreditam que o novo governo será ótimo ou bom. Apenas 14% dizem que será ruim ou péssimo. O otimismo é maior entre os homens e os que têm maior renda familiar. O próximo governo será ótimo ou bom para 69% dos homens e para 72% dos que recebem cinco salários mínimos ou mais. O percentual cai para 61% entre as mulheres e para 58% entre aqueles com renda familiar de até um salário mínimo, informa a pesquisa Retratos da Sociedade Brasileira – Perspectiva em Relação ao Novo Governo, divulgada nesta quinta-feira, 13 de dezembro, pela Confederação Nacional da Indústria (CNI).
O levantamento, feito com 2 mil pessoas em 127 municípios, entre 29 de novembro e 2 de dezembro, mostra ainda que a população aprova as indicações feitas pelo presidente eleito Jair Bolsonaro para compor o governo e as propostas apresentadas pela nova equipe. Entre os brasileiros que se consideram um pouco informados, 55% consideram as indicações para a equipe adequadas ou muito adequadas. O percentual aumenta na medida em que cresce o grau de informação do entrevistado. Entre os que se dizem muito informados sobre as indicações, 77% consideram que as pessoas indicadas para compor o primeiro escalão do governo são adequadas ou muito adequadas.
Entre os que se dizem ao menos um pouco informados sobre as propostas, 75% aprovam os planos apresentados pela equipe de Jair Bolsonaro. O número aumenta para 83% entre os que se consideram informados ou muito informados. A proposta do novo governo mais lembrada é a reforma da Previdência, que foi mencionada por 12% dos entrevistados. Em seguida, com citações de 9% cada, aparecem a liberação da posse ou do porte de armas e o combate à corrupção.
Perspectivas otimistas para 2019 – As boas perspectivas da população em relação ao novo governo ajudaram a melhorar o otimismo em relação ao futuro: 69% dos entrevistados afirmam que a própria vida vai melhorar ou vai melhorar muito em 2019. Além disso, 66% acreditam que a situação econômica do Brasil vai melhorar ou melhorar muito no ano que vem.
Para os brasileiros, melhorar os serviços de saúde, estimular a criação de empregos, atacar a corrupção, combater a violência e a criminalidade devem ser as prioridades do novo governo. Em primeiro lugar, com 41% das respostas, aparece melhorar os serviços de saúde, em segundo, com 40% de menções, os entrevistados sugerem a geração de empregos e, em terceiro lugar, empatados com 36% das citações estão o combate à corrupção e o combate à violência e à criminalidade. Em seguida, com 33% das respostas, os brasileiros citam a melhoria da qualidade da educação. A soma dos percentuais de resposta é diferente de 100% porque o entrevistado podia escolher até três prioridades.

De acordo com a pesquisa, a população acredita que o novo governo deve melhorar a questão da segurança pública, da corrupção e do desemprego. Em primeiro lugar na lista dos problemas que devem melhorar já no primeiro ano do governo aparece a segurança pública, com 43% das menções. Em seguida, com os brasileiros citam a corrupção (37% das respostas) e o desemprego, com 36% das assinalações..