Tucano - BA

Homem é morto a tiros na zona rural de Araci

Homem é morto a tiros na zona rural de Araci. Renildo Goes da Silva, conhecido também como ‘Reni’, de 30 anos, foi morto a tiros no final da noite deste sábado (28), em Araci, na região sisaleira da Bahia. O crime ocorreu por volta das 23h30, no povoado Ichu de Rufino. Ainda não há detalhes sobre as circunstâncias do crime e nem sobre a autoria e motivação, mas, de acordo com a polícia, alguns moradores disseram que acordaram assustados com o barulho dos tiros. O corpo foi levado para o Departamento de Polícia Técnica (DPT) de Serrinha. Ainda de acordo com a polícia, Renildo tinha passagens por tráfico de drogas e porte ilegal de arma de fogo. No dia 6 de fevereiro de 2017, ele foi preso pela Polícia Militar após ser flagrado com um revólver na área onde é realizada a feira livre da cidade. Na ocasião, os militares encontraram porções de maconha e uma espingarda na casa dele. Conforme a PM, ele voltou a ser preso em 18 de dezembro do ano passado, quando militares o encontraram novamente com uma espingarda e mais porções de drogas. A Polícia Civil deve investigar o caso.

Araci: jovem é preso com armas e drogas após tentar fugir da PM na feira livre. Renildo Góes da Silva, de 28 anos, conhecido como ‘Reni’, foi preso com drogas e armas após tentar fugir da Polícia Militar na manhã desta segunda-feira (6) em Araci. Segundo a PM, o jovem, que é suspeito de diversos crimes na região do Ichu do Rufino, zona rural do município, a exemplo de assaltos, homicídios e tráfico de drogas, tentou fugir ao avistar policiais do Pelotão de Motociclistas da 3ª Companhia do Décimo Sexto Batalhão que faziam rondas pela feira livre da cidade, mas foi alcançado. Durante a abordagem ao suspeito, conforme a PM, foi encontrado um revólver calibre 38 com cinco cartuchos picotados e cinco intactos. Em seguida, os militares solicitaram apoio do Pelotão de Emprego Tático Operacional (Peto/Araci) e foram até a residência dele, onde foi encontrada uma espingarda de fabricação caseira, 24 porções de maconha, além de um equipamento usado para triturar a droga, segundo informou a corporação. Reni, que ficou ferido durante a tentativa de fuga, foi conduzido ao hospital local e em seguida encaminhado a delegacia da cidade.