Brasil terá a maior fábrica de vacinas da América Latina

Jornal Tribuna Sisaleira

Jornal Tribuna Sisaleira

Desumana e humilhante a situação dos ambulantes no Carnaval de Salvador

Como é possível nomear o Carnaval de Salvador como o melhor de todos os tempos exibindo imagens como essas para o mundo? É humilhante e desumana a situação desses ambulantes que recebem licença para trabalhar durante os dias de Carnaval no circuito da festa. Essas fotos são do trecho  Ondina, bem ao lado dos camarotes, deixando ainda mais  evidente que o Carnaval  também é tão desigual quanto a cidade. Homens, mulheres (na grande maioria) e até crianças dormindo pela chão,  sem um  lugar onde fazer as necessidades básicas, tomar um banho, trocar de roupa.  E essa situação  dura semanas, porque bem antes da festa começar oficialmente, lá estão eles posicionados para não perderem os pontos de venda.  A prefeitura, que tanto se orgulha do Carnaval da cidade, deveria se envergonhar com esse cenário. É bem verdade que tem uma ação do município,  em algumas  escolas nas proximidades do circuito, para acolher durante o Carnaval os filhos e filhas desses ambulantes, uma boa iniciativa sem dúvida, mas insuficiente. É preciso reavaliar esse formato de comercialização, até porque, aumentou e muito o número de ambulantes com isopor.A prefeitura, juntamente com  as cervejarias que são as que mais  lucram  com esse comercio deveriam firmar uma parceria para proporcionar  uma infra-estrutura minima para esses ambulantes.  Carnaval é um bom termômetro  para mostrar o quanto  ainda precisa ser feito na cidade para diminuir essas desigualdades.