Jornal Tribuna Sisaleira

Jornal Tribuna Sisaleira

CALDAS DO JORRO, TUCANO, INTERDITADO PARA BANHO A GRANDE PRAÇA DAS ÁGUAS TERMAIS DE 48 GRAUS.

"As águas quentes de 48 graus de Caldas do Jorro e Jorrinho, caem aos olhos de uma praça triste e solitária, apenas vigiada pelos policiais que garantem a manutenção e obediência de um decreto que proibi aglomerações e quer manter o isolamento de uma população que precisa combater o grande vírus COVID-19, que assusta e mata".
A Atitude administrativa para evitar a chegada de algum caso de corona, Caldas do Jorro e Jorrinho foi fechar as águas termais de Caldas do jorro aos seus munícipes e aos possíveis turistas que insistam em não obedecer a ordem pública.

O povo jorrense, está dividido na opinião e diverge da liberação da água...

"Olha aqui para uma reflexão o jorro não tem nenhum caso de corona. A água quente um componente super esterilizador não entendo como um ser pensante em que caso a água do jorro faria mau a senhor ninguém além de um fator negativo ao seu poder regenerador. O resto é pura falácia fechar as águas termais de Caldas do jorro aos seus munícipes é um caso para reflexão se faz mais mal ela sem o acesso livre do povo jorrense ou a liberação da água que nos dar somente saúde. A água quente do jorro foi um presente de Deus. Se a Praça é do povo e essa água é um bem material e imaterial do seu povo. Internauta.