Jornal Tribuna Sisaleira

Jornal Tribuna Sisaleira

Prefeitura de Santaluz libera abertura de todo o comércio a partir desta terça-feira (31) até sexta (3); feira livre continua suspensa

A prefeitura de Santaluz, na região sisaleira da Bahia, flexibilizou o decreto anterior e permitiu a abertura de todo comércio [varejista e atacado] do município, alterando algumas das medidas tomadas em função do risco de contágio do novo coronavírus. Os comerciantes poderão abrir suas portas a partir desta terça-feira (31) até sexta (03), das 8h às 18h, de acordo com o novo decreto assinado pela prefeita Quitéria de Júnior. A determinação pode sofrer alteração, conforme a situação epidemiológica de momento.
No entanto, de acordo com a prefeitura, permanece fechado os seguintes estabelecimentos: clinicas odontológicas, exceto em situação de emergência; academias e congeneres; casas de show e espetáculos; e motéis. Também continuam suspensa, por tempo indeterminado, as aulas e a feira livre.
Estabelecimentos que prestam serviços considerados essenciais continuarão abertos de domingo a domingo, durante todo o dia, com restrições apenas de critérios da lei municipal que regulamenta o funcionamento do comércio aos domingos e feriados. São eles: mercados, supermercados, distribuidoras de alimentos, padarias, frigoríficos, açougues, revendas de água mineral, botijões GLP (gás de cozinha), os postos de combustíveis, as farmácias, funerárias, casas lotéricas, casas veterinárias, borracharias e oficinas.
De acordo com o novo texto, a medida considera uma recomendação do governo do estado de que ''não se fechem comércios quando ainda não se tem nenhum caso de Covid-19 confirmado na cidade''.