Jornal Tribuna Sisaleira

Jornal Tribuna Sisaleira

Monitora Covid-19' alia tecnologia e medicina para ajudar pacientes em toda a Bahia

Monitora Covid-19' alia tecnologia e medicina para ajudar pacientes em toda a BahiaO aplicativo ‘Monitora Covid-19`, do governo do Estado, alia conhecimentos da medicina à tecnologia para ajudar o combate ao novo coronavírus. A ideia da ferramenta é auxiliar pessoas com sintomas da doença de forma remota, evitando que pessoas contaminadas saiam de casa e acabem disseminando o vírus. 

O app foi programado para dar orientações e cuidados imediatos. O cidadão passará a ser monitorado em casa pelo aplicativo. O acesso à tecnologia é realizado por meio de um cadastro simples (nome, CPF, nome da mãe e número do cartão SUS). O App possibilitará, também, acesso rápido a informações sobre a Covid-19, orientações sobre o isolamento social, serviços de saúde próximos e o acompanhamento do estado de saúde do paciente, além de um “converse conosco”.

E a criação de cada funcionalidade ficou mais fácil por ter médicos por formação na linha de frente da criação do aplicativo. Incluindo o secretário de Saúde, Fábio Vilas-Boas, e a própria secretária de Ciência, Tecnologia e Inovação (Secti), Adélia Pinheiro.

“Facilita, quando somos da área, o auxílio no desenvolvimento do conteúdo. Entretanto, de qualquer sorte, sendo da área de ciência e tecnologia, nós temos a experiência ampla para atuar na identificação da necessidade do desenvolvimento tecnológico e qual a finalidade que ele precisa ter para aquele momento”, avaliou Pinheiro, que é médica da área de Saúde Coletiva e Epidemiologia.

A secretária destaca ainda a importância de serviços como o aplicativo. “Com o Monitora, avançamos na missão de atender o cidadão dentro da sua própria casa. Assim também é o Tele Coronavírus, que lançamos para atender qualquer pessoa que tenha dúvida sobre a Covid-19, gratuitamente, pelo número 155. Essas são ações preventivas que auxiliam a população no diagnóstico, indicando quais medidas tomar na hipótese do aparecimento de sintomas da doença”.

O aplicativo é desenvolvido pela Fundação Estatal Saúde da Família (FESF), que é parte primordial nesse processo de auxílio ao cidadão e também conta com integrantes com formação médica. “A FESF é uma instituição, criada pelo SUS e para o SUS da Bahia, que tem como missão institucional produzir soluções inovadoras, que promovam qualidade e eficiência para o sistema da saúde. Ações como esta aproximam a FESF do cumprimento de seu papel social”, destacou o secretário executivo, José Santana.
 
ALIANDO ESTRATÉGIAS
A estratégia da Secti e da Sesab é aliar quatro ferramentas: o “Monitora Covid-19”; o mapa de calor com as regiões com mais casos de pessoas sintomáticas (veja aqui); um aplicativo para médicos identificarem pacientes entre os casos suspeitos (veja aqui); e a Plataforma de Registro Eletrônico, que reúne informações de diversos prontuários eletrônicos do paciente para gerar um quadro mais completo da pessoa que será atendida.


BAIXE O 'MONITORA'
O aplicativo “Monitora” possibilita o registro de informações de pessoas com suspeita da Covid-19, viabilizando o atendimento remoto, monitoramento e acompanhamento dos cidadãos. O app está disponível gratuitamente na plataforma android, sendo, posteriormente, disponibilizado para iOS. Para localizá-lo, é preciso fazer a busca digitando “monitoracovid”, com as duas palavras juntas, e fazer a seleção do aplicativo “Monitora Covid-19”, de cor azul, de autoria do “Governo da Bahia”, ou acessar diretamente este link: https://bit.ly/2UYHR9L.