Jornal Tribuna Sisaleira

Jornal Tribuna Sisaleira

JUÌZA CONCEDE LIMINAR NO MERCADO MUNICIPAL DE CARNE A POPULAÇÃO DE TUCANO, APÓS AÇÃO DO VEREADOR MARCOS DO RAIO X.

Juíza determina devolução do prédio do Mercado de Carnes e de outros, leiloados anteriormente pelo gestor, Prefeito, Luiz Sérgio. A Noticia veio do Vereador Marcos do Raio X que nos informou que a população de Tucano venceu, a promotoria foi favorável e ontem a Juíza de Tucano atendeu ao pedido de uma das três ações empreitada, colocada pelo vereador Marcos.

A população tucanense acompanha protestando desde o inicio das discursões e votação e ontem a juíza reconhece o direito da população de Tucano e a justiça determina que o município não pode desfazer do Açougue Municipal, por falta de lei que garanta o leilão, tornando o leilão ilegal. A Liminar determina que a loja seja mantida, más o prédio inicialmente não poderá ser transferido com causa de multa diária de 100 mil reais de multa ao Prefeito e ao Vice Prefeito.

O leilão que ocorreu no dia 29 de Abril de 2019 foi ilegal e agora tem que ser devolvido como patrimônio da população tucanense, onde o imóvel leiloado valeria o dobro que foi indevidamente exigido, o capital exigido do leilão do açougue foi por $ 1.300.000,00 (um milhão e trezentos mil reais), O arrematador do imóvel foi citado apenas por "Felipe" filho de Euclides da Cunha.  

Após o dia 5 de março de 2018, onde Tucano se viu diante de um fato inédito, inusitado, exclusivo e que serve de reflexão profunda a cerda do ato histórico em que a população se ergueu em uma mobilização pacifica e pública contra o ato do prefeito, Dr. Sérgio e de seus 10 vereadores, apoiadores e eleitores que aprovaram o projeto que autorizou o prefeito a leiloar, vender, privatizar, desfazer do Mercado Municipal, antigo Açougue, mesmo contra a vontade de uma multidão de mais de cinco mil pessoas que foram na época protestar frente a sede do legislativo contrários a este ato de desfazer de um patrimônio coletivo, público ou seja um imóvel da prefeitura.

"A população de Tucano mostrou que tem força, Tucano é dos tucanense e sempre será assim, com o mandato de segurança, o pedido de liminar diz claramente que o imóvel é do povo. Tucano tem sim que lutar unida por seus direitos. - Disse vereador Marcos do Raio X.


Veja abaixo todas as matérias sobre o assunto

POPULAÇÃO DE TUCANO SE REVOLTA COM LEILÃO DE AÇOUGUE MUNICIPAL

A população tucanense acompanhou protestando nas redes sociais o leilão que ocorreu neste dia 29 de Abril de 2019. O leilão do imóvel do açougue municipal. Segundo informações este ponto histórico de Tucano, o imóvel leiloado valeria o dobro que foi indevidamente exigido, o capital exigido do leilão do açougue foi por $ 1.300.000,00 (um milhão e trezentos mil reais), O arrematador do imóvel foi citado apenas por "Felipe" filho de Euclides da Cunha. 
Veja o que os munícipes relatam nas redes sociais...
"Dia 05 , de Março de 2018 , houve uma manifestação contra leiloamento da venda do imóvel público do açougue e outros patrimônio público infelizmente a população n teve sucesso contra esse ditador". 
"O sonho do povo tucanense foi vendido, que erá o espaço cultural prometido por Prefeito Dr Luiz Sérgio".
"Segundo o TCM a prefeitura municipal de Tucano teve uma receita líquida de quase 98 milhões de reais em 2018. A mesma prefeitura efetivou hoje, 29/04, a venda do antigo açougue por R$ 1.300.000,00, então cabe a pergunta: Será que em um orçamento de 98 milhões anual não há espaço para redução de despesas que viabilize a manutenção do patrimônio público? Além do péssimo negócio, diga-se de passagem, pois qualquer cidadão Tucanense sabe que o valor do m2 na área comercial central da cidade equivale a um valor muito mais elevado ao que foi entregue o açougue, alertamos para o uso que será destinado esse recurso, efetivamente não sendo especialista, mas acredito não precisar ser, R$ 1.300.000,00 não cobre nem metade das obras anunciadas pela gestão com esse recurso. Hoje maior que a destruição material do nosso patrimônio, é a destruição moral das instituições, uma prefeitura que submete uma venda arbitrária e inútil, mostrando o entreguismo tacanho do que é do povo, demonstra como os Tucanenses estão de joelhos, traídos por uma classe política parasitária que se prostitui para qualquer mecenas, quem paga mais leva, de fato e de direito. Para uma gestão que se apresentava como não política, a gestão empresarial, se administrasse seus bens como a prefeitura hoje estaria passando fome!".

29 DE ABRIL SERÁ O LEILÃO DO MERCADO MUNICIPAL DE TUCANO


Após completar um ano, exatamente 5 de março de 2018/2019, Tucano se viu diante de um fato inédito, inusitado, exclusivo e que serve de reflexão profunda a cerda do ato histórico em que a população se ergueu em uma mobilização pacifica e pública contra o ato do prefeito, Dr. Sérgio e de seus 10 vereadores, apoiadores e eleitores que aprovaram o projeto que autorizou o prefeito a leiloar, vender, privatizar, desfazer do Mercado Municipal, antigo Açougue, mesmo contra a vontade de uma multidão de mais de cinco mil pessoas que foram na época protestar frente a sede do legislativo contrários a este ato de desfazer de um patrimônio coletivo, público ou seja um imóvel da prefeitura.
O TS, acompanhou de perto toda esta novela, e abaixo a esta materia esta todos os detalhes em fotos e vídeos sobre o ocorrido. Hoje mais um capitulo se escreve com a publicação no Diário Oficial do Municípios, do dia 12 de abril de 2019, edição 1.022, pag. 3, o anúncio do Leilão do Antigo Mercado Municipal, que ocorrerá no dia 29/04/2019, as 9h, no Auditório de Secretaria Municipal de Educação, localizada na Rua São Félix, s/n°, Centro, Tucano – Bahia.
Aguardemos pois o desfecho de mais este episódio na grande novela protagonizada pelo Prefeito, Sr. Luis Sérgio, Seus dez vereadores que aprovaram o bendito projeto e a população de Tucano que não concorda com o Leilão.

Veja Abaixo todas as matérias publicadas por nosso site "TRIBUNA SISALEIRA" em fotos e vídeos.

5 DE MARÇO EM TUCANO É ANIVERSÁRIO DE 1 ANO DO DIA QUE A CIDADE PAROU.


5 de Março de 2019, hoje, a exatamente 1 ano atrás, Tucano teve uma das maiores, se n]ao a maior, mobilização popular de sua história. Quem estava lá lembra, quem viu, ouviu, assistiu ou presenciou, lembra,como foi triste para a cidade, para o município de Tucano, escrever esta que arisco a dizer "UM DIA NEGRO PARA A HISTORIA DE TUCANO".
Força policial, Spray de Pimenta, povo exaltado, nervoso, anciosos, policia extensiva, cuidando de manter ordem, onde, povo insatisfeito e 15 parlamentares, vereadores, discutiam e aprovava, lei do poder público, prefeito, que solicitava autorização para a realização de Leilão de Bens da Prefeitura em Sessão na Câmara de TUCANO.
Aquele dia começou, tenso, nervoso, apreensivo e preocupado com o que aconteceria com o capitulo da novela dos Projeto de Lei 002/2018 de iniciativa do prefeito municipal, em especial os que trata da venda de imóvel (mercado de carne) e terreno da Prefeitura de Tucano, apresentado pelo prefeito, Luis Sérgio, que polemizou a sociedade. 
Aquela sessão extraordinária da câmara de vereadores de Tucano da Segunda Feira, 05 de Março de 2018, marcou a historia e os Vereadores, dentro do espaço de reuniões e cerca de 5 mil pessoas se aglomeraram na rua, onde somente 100 pessoas receberam senhas para adentrarem ao salão para assistirem a sessão, onde a população eufórica, protestou, se manifestou, em alguns casos o excesso trouxe da parte de dezenas de policiais civil, militar e guarda municipal a necessidade de uso de força garantia da ordem, onde os exaltados foram contidos, se viu ate o uso de com gás de pimenta e até tiro dado para alto em alerta a manutenção da ordem. 
A Sessão começou naquele dia enfático, e na tribuna vereadores VOTARAM e APROVARAM, por 10 Votos a Favor  (Rodrigo, Adé, Ronaldo, Romilson, Jorjão, Belmiro, Branca, Penena, Jorge e Maisa) e 05 Votos Contra (Neto, Conceição, Helcio, Nadinho e Marcos do Raio X). 
"O dia que Tucano parou!!! Um dia para ficar na história!!! Muito gás de pimenta e força policial!!! Desrespeito ao cidadão!!!". Discurso cidadão.

"Tanta força pra nada, já faz um ano do dia mais triste em nosso município aprovação da Lei para leiloar o antigo mercado municipal de Tucano e nada foi feito até agora, aprovação desse projeto pela gestão foi com o único intuito de dizer eu posso." - Tucanense.

VEJA NOSSAS MATÉRIAS ACOMPANHANDO O CASO...

APROVADO A REALIZAÇÃO DE LEILÃO DE BENS DA PREFEITURA EM SESSÃO TUMULTUADA NA CÃMARA DE TUCANO.

Aprovado, a realização de Leilão de Bens da Prefeitura em Sessão na Câmara de TUCANO, onde o dia começou, tenso, apreensivo e preocupado com o que aconteceria com o capitulo da novela dos Projeto de Lei 002/2018 de iniciativa do prefeito municipal, em especial os que trata da venda de imóvel (mercado de carne) e terreno da Prefeitura de Tucano, apresentado pelo prefeito, Luis Sérgio, que polemizou a sociedade. Hoje, Segunda Feira, 05 de Março de 2018, o Presidente da Câmara e o Líder do governo, acompanhados, estiveram na rádio Tucano FM, para se submeter a uma entrevista com Wandilson Mattos, onde foi dito mais uma vez o que representa o projeto do prefeito.
Já na Câmara de Vereadores, cerca de 5 mil pessoas se aglomeraram na rua, onde somente 100 pessoas recebram senhas para adentrarem ao salão para assistirem a sessão, onde a população eufórica, protestou, se manifestou, em alguns casos o excesso trouxe da parte de dezenas de policiais civil, militar e guarda municipal a necessidade de uso de força garantia da ordem, onde os exaltados foram contidos, se viu ate o uso de com gás de pimenta e até tiro dado para alto em alerta a manutenção da ordem. A Sessão começou e na tribuna vereadores VOTARAM e APROVARAM, por 10 Votos a Favor  (Rodrigo, Adé, Ronaldo, Romilson, Jorjão, Belmiro, Branca, Penena, Jorge e Maisa) e 05 Votos Contra (Neto, Conceição, Helcio, Nadinho e Marcos do Raio X). 
NA FOTO ACIMA A BANCADA DE SITUAÇÃO - 10 VEREADORES.
NA FOTO ACIMA BANCADA DE OPOSIÇÃO COM 3 VEREADORES E MINORIA COM 2 VEREADORES
Os vereadores de Oposição (5) tentou, más os vereadores de situação na Câmara de Vereadores, tentaram, más argumentos de ilegalidade do projeto, de falta de escritura pública do mercado de carnes apresentado pelo vereador MARCOS DO RAIO X, em nada mudou o voto dos 10 que nominalmente votaram no projeto. Agora a população aguarda para quinta feira mais uma sessão da cãmara para ver o andar da carruagem, prometendo, a oposição, ir judicializar uma ação para proibir a venda destes imóvies.

Tumulto a parte, desde o inicio da sessão, durante e no final, os ânimos assira dos, a população e os vereadores de Tucano, após votação do projeto, deu-se por encerrado a sessão, más os vereadores de oposição discusaram para a população presente no mini trio localizada ao lado da câmara e seguiram em passeata até a casa do Prefeito.
A população de Tucano foi convocada através das redes sociais e a pelo presidente da Câmara de Vereadores da cidade, onde se reuniram nesta Segunda Feira, dia 05 de Março de 2018, as 15hs no salão da Câmara de Vereadores da cidade de Tucano, onde centenas de manifestante contrário, polemizam, desde a apresentada pelo prefeito, Luis Sérgio, dos projetos 01 e 02 de 2018, que em suma, quer, terceirizar os serviços públicos e leiloar patrimônios do município.
Veja os Videos e mais Fotos...







ACOMPANHE A BAIXO PASSO A PASSO DAS NOSSAS MATÉRIAS SOBRE O ASSUNTO...


1 PREFEITO, 10 VEREADORES (DE SITUAÇÃO) X 05 VEREADORES (DE OPOSIÇÃO) COM O POVO DE TUCANO EM MAIS UMA REUNIÃO POLEMICA.


1 PREFEITO, 10 VEREADORES (DE SITUAÇÃO) X 05 VEREADORES (DE OPOSIÇÃO) COM O POVO DE TUCANO EM MAIS UMA REUNIÃO POLEMICA. A população de Tucano está sendo convocada através das redes sociais, após a convocação do presidente da Câmara de Vereadores da cidade, convocar os demais pares para se reunirem nesta Segunda Feira, dia 05 de Março de 2018, a partir das 15hs no salão da Câmara de Vereadores da cidade de Tucano. São dezenas de milhares de manifestação no zap, face, instagram, blog e sites do município e da região que polemizam desde que foi apresentada pelo prefeito, Luis Sérgio, os projetos 01 e 02 de 2018, que em suma, quer, terceirizar os serviços públicos e leiloar patrimônios do município.
“Sem todos por seu município, não haverá Tucano para todos” é a frase que tem fluido nas redes sociais, nas ruas, e onde se encontra a população tucanense que não tem outro assunto a não ser esta polemica novela dos projetos de lei e suas reuniões já realizadas e que deve se realizar.
As organizações da sociedade civil, empresas, trabalhadores (as), entidades sindicais, enfim, cada pessoa que despertou para o exercício da participação social, além de fazer a sua parte, promete “acordados” chama para a importância da presença de todos, de todas na construção de um Tucano melhor e mais justo.
Os eventos e as manifestações públicas que tem acontecido em Tucano nos últimos anos, têm tido um papel muito importante para criar esse sentimento de que todos estamos no mesmo barco. TERCEIRIZAR, REORDENAR, LEILOAR, ou qualquer outra palavra que envolva mexer com o patrimônio publico de maneira impactante deve ser feita com cautela, por dever, com consulta ao cidadão! Não sendo desta maneira, não há como ter credibilidade!  Por isso, os Tucanenses, não quere permitir!, que isso aconteça sem a participação popular e querem juntar muita gente para o movimento fica mais sólido e consistente.
É aquela velha história: a união faz a força, uma andorinha só não faz verão, unidos venceremos. Grito de guerra da sociedade organizada no movimento.
Vereadores de Oposição e Minoria (05), juntamente com cidadãos e cidadãs tucanenses mobilizados para a reivindicação, convida a todos para de forma ordeira e pacífica dar sua contribuição comparecendo nesta segunda feira na reunião que trará ações políticas, no empenho e no envolvimento de toda a População contrária aos dois projetos de leis!. “Não esqueça: Você faz parte desta luta!. Amanhã Segunda Feira. 13:30 ( uma e meia da tarde), em frente a Câmara de Vereadores”.

FALTOU ENERGIA ELÉTRICA E SOBROU REIVINDICAÇÃO NA REUNIÃO DA CÃMARA DESTA QUINTA FEIRA EM TUCANO

FALTOU LUZ E SOBROU REIVINDICAÇÃO NA REUNIÃO DA CÂMARA DESTA QUINTA FEIRA EM TUCANO.
PRESSÃO POPULAR MAIS UMA VEZ INVADE A SESSÃO DO PLENÁRIO EM PROTESTO CONTRA OS PROJETOS DE TERCEIRIZAÇÃO DOS SERVIÇOS PÚBLICOS, BEM COMO A VENDA LEILÃO DE 29 IMÓVEIS EM TUCANO; SESSÃO FOI MARCADA POR TUMULTOS E, MAIS UMA VEZ COM A INTERVENÇÃO DA POLÍCIA!.
Nas cidades brasileiras, a população começa a sair às ruas contra as medidas aqui em Tucano, a população, por diversas vezes vem se manifestando em passeatas pelas ruas da cidade e das comunidades do Município, contra as medidas injustas e arbitrárias do poder executivo.
Essas revoltas refletem a constatação de que os contribuintes perceberam que os legislativos municipais custam caro e votam leis aumentando a carga tributária para o conjunto da sociedade. Os números demonstram que vereador é dispendioso, improdutivo e o contribuinte paga a conta.
“ Gente isso é uma vergonha! Nunca na história de Tucano passamos por tanto desrespeito. Não iremos aceitas a venda de nosso município! Nossa terra tem homens e mulheres que honram seu nome e merecem respeito” Esses vereadores e esse gestor ficara nas mente toda população para toda vida! E a melhor resposta será nas urnas na próxima eleição!. Disse populares.
"Eu ,sinceramente tenho vergonha de, por um ano, ter feito parte deste governo ditador! Quero aqui, e em público pedir perdão a todos os presentes por isso! E digo mais, não vamos arredar o pé! Encontram-se aqui neste plenários moradores da sede, Caldas do Jorro e diversas comunidades, em um momento nunca visto em Tucano! Estas sessões ficarão na história da politica tucanense!" fala do Marcos do Raio X.

Como se não bastasse todo desrespeito pelos quais vem passando os servidoress públicos, como atraso de salários, e a insistente tentativa de retirada de direitos adquiridos ao longo dos anos. Agora a luta da população é contra a aprovação das PLs), os Projetos de Leis 002/2018, 003/ de iniciativa do prefeito municipal, que trata da terceirização dos serviços públicos por parte da Prefeitura de Tucano, bem como, da venda/Leilão/Permuta de bens públicos, sem prévia consulta. O que fez com mais uma vez a população saísse às ruas em protesto, e na noite de ontem, quinta feira, 01 de março, invadissem a câmara municipal e encurralasse os vereadores de situação, que contrários a vontade popular, tentaram aprovar uma dessas PLs.
Na sessão de ontem, todos os vereadores da situação, estrategicamente se fizerem presentes, ao todo 10, (contra 05 da oposição) mas os trabalhos não puderam ser conduzidos. É que diante de uma plateia que produzia um barulho ensurdecedor não era possível escutar quase nada do que estava sendo dito pelos oradores. E a pressão do público presente foi muito grande enquanto durou a sessão. Apesar de muita algazarra discussões, e da população gritar pelo arquivamento das PLs, os vereadores da situação, não se sensibilizaram e tentaram avançar na aprovação dos projetos, mesmo depois de realizadas uma audiência popular, na qual organismos representativos construíram e apresentaram a Câmara uma proposta para o Destino do Mecado Velho, um, dos 29 imóveis que o prefeito tenta leiloar através de uma dessas leis. mas não fora aceita pela bancada de situação deixando indignada toda a população presente.
Ao longo da sessão e, mais ainda no final, foram registradas muitas palavras de ordem, confrontos envolvendo populares e integrantes do legislativo. Em um momento a polícia novamente tentou intervir. Mas a população indignada não cedeu. Foi quando presidente da câmara, Ronaldo Mototax solicitou que se fizesse uma outra audiência extraordinária a ser realizada ainda na noite de ontem. Pedido, este que foi veemente repudiado pelos presentes e toda a bancada de oposição (05 vereadores) Sem sucesso Ronaldo pede 10 minutos para uma conversa com seus correligionários, foi quando em seu retorno, no meio de gritos, o espaço da câmara sofrera um Blackout (queda de energia), que fez com que o presidente encerrasse a sessão sem quer os trabalhos pudessem ser concluídos.
Saiba Mais...

AUDIÊNCIA PÚBLICA COM FINAL TUMULTUADO EM TUCANO

A noite de Ontem, Terça Feira, 27.02.2018, foi realizado mais um episódio na novela intitulada como venda do mercado de carne de Tucano, ou seja leilão de bens público do município. A População de Tucano voltou a se mobilizar contra ao projeto de VENDA DE IMOVEIS DA PREFEITURA, iniciado de fato no sábado após a assembleia na sede da CACTUS, posteriormente realizado a reunião de frente ao mercado na praça do Bradesco e agora na dita audiência pública que não teve um desfecho positivo, já que as classes, a sociedade e parlamentares de oposição e minoria alegam a não realizam da audiência por culpa da condução dos trabalhos ter sido feito pelo presidente da câmara de vereadores, Ronaldo, que finalizou as falas de ambas as partes sem dar encaminhamentos tão esperado pelos presentes.
Na reunião de ontem a sociedade se posicionou contra a venda dos bens público e pretende mover-se com ações necessárias para interromper, não permitir e se colocar contra a postura do atual gestor, prefeito, Luis Sérgio, de vender o imóvel do antigo açougue na praça do Bradesco em Tucano e demais terrenos público.
Vejas as fotos e vídeos. A sessão de vereadores de Quinta Feira, Amanhã, 01.03.2018, será mais um passo, esperasse um desfecho, pela sociedade, arquivamento do projeto e pela gestão e câmara, votação (que poderá aprovar ou não a venda, leilão).






















VEJA AINDA...
Ontem, Segunda Feira, 26.02.2018, a População de Tucano continuou se mobilizando contra ao projeto de VENDA DE IMOVEIS DA PREFEITURA, onde sábado após a assembleia reunida por entidades e grupos de classe, se reuniram na sede da CACTUS, e decidiram, lá, realizar todas as ações necessárias para interromper, não permitir e se colocar contra a postura do atual gestor, prefeito, Luis Sérgio, de vender o imóvel do antigo açougue na praça do Bradesco em Tucano e demais terrenos público.
O Prefeito alega, depois de um ano de sua gestão, não ter recursos, dinheiro e nem projetos financeiros para resolver o prédio abandonado do Mercado, hoje, entregue ao lixo, as baratas, a imundice e ao desprezo, já a sociedade acredita que é possível fazer uma pequena reforma e transformar o ambiente em um local de comercialização de pequenos agricultores e de setores da cultura e do esporte do município de Tucano.
Hoje, Terça feira dia 27 está marcada uma Audiência Pública na câmara, onde quinta feira passada, tentaram até aprovar o projeto, más a população pediu a audiência e agora irão discutir com o Prefeito, os Vereadores e os interessados, os destinos, tanto do prédio do Açougue, Mercado, e os demais terrenos.
Já na quinta feira poderá se dar um  destino ao projeto, aprovando ou não, más o vereador MARCOS DO RAIO X, que esteve presente e discursou no ato desta segunda feira, sugeriu o arquivamento do projeto, já que segundo ele, é precoce leiloar da forma arbitraria estes patrimônios, o certo é limpar o local, reformar o local e buscar projetos financeiros através de imendas parlamentares para restaurar este patrimônio histórico, transformando no Centro Administrativo do município, já que a prefeitura aluga diversos imoveis na cidade que com montante dos  recursos pagos de aluguel, supriria em um ano a despesa com a construção do prédio.
Veja o Vídeos.

Veja Mais fotos.





Comentários