Jornal Tribuna Sisaleira

Jornal Tribuna Sisaleira

Filipinas suspendem compra de frango do Brasil por medo de coronavírus após China anunciar suspeita.

 

Filipinas suspendem compra de frango do Brasil por medo de coronavíruss Filipinas impuseram uma proibição temporária às importações de carne de frango do Brasil nesta sexta-feira (14) depois que uma cidade na China disse ter encontrado traços do novo coronavírus em um carregamento de asas de frango produzidas no país. O Brasil, maior exportador global de carne de frango, responde por cerca de 20% das importações do produto das Filipinas. De janeiro a julho, o país vendeu US$ 31,4 milhões aos filipinos, cerca de 50,3 mil toneladas, o que representa cerca de 2% das exportações brasileiras no período. O Ministério da Agricultura disse que não foi notificado pelas autoridades das Filipinas. O Brasil tem o segundo pior surto de Covid-19 do mundo, depois dos Estados Unidos, registrando mais de 3,2 milhões de casos e mais de 105.000 mortes desde o início da pandemia. A Organização Mundial de Saúde (OMS) disse na quinta-feira (13) que não vê nenhuma evidência de que o coronavírus se espalhando por alimentos ou embalagens e pediu às pessoas que não tenham medo de que o vírus entre na cadeia alimentar.

O governo da cidade de Shenzhen, no sul da China, disse que uma amostra de asa de frango congelada, que havia sido importada do Brasil, testou positivo para o coronavírus. A descoberta foi feita nessa quarta-feira (12), após uma pequena amostra da superfície ser retirada do lote e testada por centros locais de controle de doenças. Segundo apuração da agência Reuters, publicada pelo jornal O Estado de S. Paulo, as autoridades de saúde da cidade agora estão rastreando e testando todos os funcionários que podem ter entrado em contato com o produto, além de testar outros alimentos armazenados perto do lote infectado. Até então, todos os testes deram negativo. Diante desse cenário, a Sede de Prevenção e Controle de Epidemias de Shenzhen lembrou que é necessário manter cautela quando se trata de carne e frutos do mar importados. Na quarta, a China também informou que o coronavírus foi encontrado na embalagem de camarões importados do Equador, relato que é feito por diversas cidades desde junho. De acordo com a publicação, para evitar a contaminação, o governo chinês tem rastreado todos os contêineres de carnes e frutos do mar que chegam aos principais portos do país desde junho, quando um novo surto de Covid-19 foi registrado em Pequim.

Comentários