Tucano - BA

SUSPENSA A FEIRA LIVRE DE TUCANO ESTE FINAL DE SEMANA

A feira livre está suspensa neste fim de semana, tanto na sede quanto em Caldas do Jorro, distritos e povoados. A decisão faz parte das novas restrições que serão adotadas pelo município, em alinhamento às medidas divulgadas pelo Governador do Estado, na tarde de hoje (25), durante entrevista. A ações visam combater a disseminação do Coronavírus em toda a Bahia.

Entre as 17h de amanhã (26) e as 05h de segunda-feira (01), apenas poderão funcionar os serviços essenciais, tais como farmácias, supermercados, postos de combustíveis, serviços de saúde e de segurança. Qualquer loja ou comércio que não corresponda a esses nichos estão proibidas de funcionar no período mencionado. A venda de bebidas alcoólicas também está vetada nesse intervalo de tempo, a partir das 18h de sexta-feira.

Estabelecimentos que comercializam alimentos estão autorizados a funcionar obedecendo as determinações do toque de recolher instituído pelo Governo do Estado – que segue mantido em Tucano até domingo (28), das 20h às 05h. Durante o dia está permitida a circulação pela cidade com o uso indispensável de máscaras.

Seguem suspensas, também, todas as atividades sociais que gerem aglomeração, tais como eventos, atividades religiosas, políticas, esportivas (amadoras e profissionais), entre outras. Em caso de descumprimento do Decreto, a Guarda Municipal poderá ser acionada pelo número 153, bem como a Polícia Militar pelo 190.


URGENTE: Governo estadual decreta 'lockdown' a partir de 17h de sexta em 381 municípios da Bahia

 

O governador Rui Costa anunciou nesta quinta-feira (25) que vai decretar lockdown no fim de semana em 381 municípios baianos, incluindo Salvador e Região Metropolitana (RMS), como forma de diminuir a transmissão do novo coronavírus no estado. O fechamento das atividades não essenciais começará a partir das 20h desta sexta-feira (26) e irá até às 5h da próxima segunda (1º).
Estas cidades atingidas pela medida são aquelas que já estão com toque de recolher das 20h às 5h. As restrições começarão de forma escalonada na sexta. Às 17h, deverá ser fechado ao comércio de rua; às 18h, bares e restaurantes; e às 20h os shoppings. Segundo Rui Costa, esta divisão foi feita como forma de evitar sobrecarga no transporte público, o que geraria aglomerações.

Comentários