BRASIL DESFILA NO ENCERRAMENTO DOS JOGOS OLIMPICOS COM 21 MEDALHAS

 Acabou! Encerramos a #Tokyo2020 com a melhor posição da história brasileira. Ficamos com sete ouros, seis pratas e oito bronzes (21 medalhas no total), 12º posto nos Jogos Olímpicos, subindo uma colocação em relação à Rio 2016.

Esta edição foi marcada por uma melhora do desempenho das mulheres, que foram ao pódio nove vezes e por conquistas em esportes estreantes como o surf e o skate. Nossa Rebeca realizou o sonho de ser porta-bandeira, após duas medalhas inéditas. 
A cada quatro anos o brasileiro percebe que há atletas fora do futebol. Mostram o nosso potencial e o quanto ainda precisamos de políticas públicas para a constante renovação das várias equipes. 
O cruzado de Herbert Conceição, que nocauteou o ucraniano Oleksandr Khyzhniak, boxe, categoria até 75kg, e as remadas seguras e ritmadas de Isaquias Queiroz, em Tóquio sintetizam a luta do atleta brasileiro e merecem todo o nosso reconhecimento a aplauso. 
Mesmo para aqueles que não foram ao pódio, mas disputaram entre os melhores competidores do mundo, os meus PARABÉNS, ATLETAS, vocês honraram as nossas tradições de persistentes competidores! Vocês fazem parte de uma geração de recordistas no nosso esporte. Parabéns Brasil e em especial os atletas baianos. 

Comentários