COMÉRCIO ABERTO EM FEIRA DE SANTANA NESTE FERIADO DE 21 ABRIL

Mesmo com pouco movimento, comerciantes comemoram reabertura do comércio durante o feriado. Eles disseram que a expectativa é que o movimento aumente nos próximos dias. Com a autorização para o comércio de Feira de Santana funcionar nesta terça-feira (21), feriado nacional, após cerca de 30 dias fechado por força de um decreto municipal por conta das ações de contenção ao novo coronavírus, poucas lojas abriram as portas e o movimento de clientes foi pouco.

Ainda assim, lojistas ouvidos pelo Acorda Cidade informaram que valeu a pena abrir nesse feriado e disseram que a expectativa é que o movimento aumente nos próximos dias.

Willian da Silva, gerente de uma loja de informática localizada na Senhor dos Passos, informou que o cliente que foi até a loja estava a procura de smartphones e notebooks Segundo ele, o movimento foi razoável, mas considerado bom. “Os clientes que vieram estavam usando máscaras e o movimento superou a expectativa para um feriado. As pessoas que vieram gostaram da reabertura. A loja já estava preparada e a expectativa é que o movimento melhore a partir de quarta”, disse.
Gerente de uma loja de calçados na Senhor dos Passos, Dilva Brito, também considerou o movimento fraco e disse acreditar que a partir de amanhã a circulação de pessoas melhore. “As expectativas são muito boas, amanhã os bancos estarão abertos e isso traz movimento também. Já estamos fechados há cerca de 30 dias e estamos nessa expectativa. Mas apesar do movimento fraco neste feriado, valeu a pena abrir, pois conseguimos efetivar algumas vendas”, comemorou.
Alguns comerciantes que não abriram a loja nesta terça aproveitaram o dia para limpar e arrumar o ambiente para a reabertura amanhã. Roberto Jr, proprietário de uma loja de confecções, informou ao Acorda Cidade que já está preparado para o retorno das atividades com todo o cuidado e prevenção contra o coronavírus. “Hoje é um dia de arrumação, vamos preparar nosso esquema de trabalho com álcool gel e máscara. Além disso, o cliente que chegar sem máscara, nós vamos disponibilizar. Estamos felizes depois de 30 dias voltarmos ao trabalho. Estávamos sofrendo junto com os colaboradores . É complicado ficar com a loja fechada e hoje estamos nessa limpeza e preparação Agora vamos andar conforme o decreto. Acho que o cliente vem pra rua mas com responsabilidade”, opinou.

Gerente de uma loja de calçados na Senhor dos Passos, Dilva Brito, também considerou o movimento fraco e disse acreditar que a partir de amanhã a circulação de pessoas melhore.
“As expectativas são muito boas, amanhã os bancos estarão abertos e isso traz movimento também. Já estamos fechados há cerca de 30 dias e estamos nessa expectativa. Mas apesar do movimento fraco neste feriado, valeu a pena abrir, pois conseguimos efetivar algumas vendas”, comemorou.
Alguns comerciantes que não abriram a loja nesta terça aproveitaram o dia para limpar e arrumar o ambiente para a reabertura amanhã. Roberto Jr, proprietário de uma loja de confecções, informou ao Acorda Cidade que já está preparado para o retorno das atividades com todo o cuidado e prevenção contra o coronavírus.
“Hoje é um dia de arrumação, vamos preparar nosso esquema de trabalho com álcool gel e máscara. Além disso, o cliente que chegar sem máscara, nós vamos disponibilizar. Estamos felizes depois de 30 dias voltarmos ao trabalho. Estávamos sofrendo junto com os colaboradores . É complicado ficar com a loja fechada e hoje estamos nessa limpeza e preparação Agora vamos andar conforme o decreto. Acho que o cliente vem pra rua mas com responsabilidade”, opinou.