Jornal Tribuna Sisaleira

Jornal Tribuna Sisaleira

ABRIGO DE ANIMAIS DE ARACI ABANDONADO VIRA CEMITÉRIO COM CADÁVERES.

Graves denuncias estão circulando a muito tempo sobre o CANIL PROVISÓRIO DE ARACI, onde hoje foram encontrados uma enorme quantidade de CADÁVERES de animais que pertenciam ao CANIL. Segundo informações, são jogados em terrenos vizinhos ao canil gerando mal cheio para os moradores.

Um espaço de shows e eventos localizado no bairro do Coqueiro 2 foi adaptação para acolher os cães que ficam soltos pela cidade, mordendo as pessoas e incomodando os comerciantes. Más O espaço mínimo e sem estrutura; A falta de cuidados especiais aos animais; Animais doentes e sem possibilidade de separar; Cães faleceram devido a doenças no local; Ração de qualidade péssima; Os animais que morreram ou que foram sacrificados devido calazar sendo colocados nas proximidades do abrigo provisório.

Os Vizinhos do abrigo abandonado reclama da falta de estrutura para cuidados dos animais ao profissional; Não cumprindo pois com o TAC com o MP e com a NOVA LEI 1095/2019. QUE AUMENTA A PENA A QUEM MALTRATA OS ANIMAIS.
O que disse a prefeitura no ato de inauguração do espaço.

Um espaço de shows e eventos localizado no bairro do Coqueiro 2 está em adaptação para acolher os cães que ficam soltos pela cidade, mordendo as pessoas e incomodando os comerciantes. Após várias reclamações, a Prefeitura de Araci está adaptando o local para acolher os cães (machos e fêmeas), até que seja construído o canil municipal.

De acordo com uma publicação feita na rede social da instituição, a estrutura provisória está em processo de finalização e deve começar a receber os primeiros animais até o final do mês de maio.  

“Dependemos da contratação, após a licitação ter sido vencida, para a empresa que vai construir o canil municipal, e enquanto isso não acontece, tivemos que montar essa estrutura que irá atender a essa necessidade momentânea”, explica Alexssandro Anunciação, médico veterinário do Centro de Endemias do município. No local, três baias serão usadas para acolher os animais.

 O veterinário informa ainda que no local provisório, está previsto que os animais sejam cuidados e alimentados, e quando acontecer o resgate de algum animal doméstico, os donos poderão localizá-los mais fácil. “Lembramos que é uma estrutura provisória, então não temos como garantir todos os serviços que um canil municipal pode oferecer, como por exemplo, cirurgias e outros cuidados de média e alta complexidade”, completou.

A secretaria de Agricultura, Meio Ambiente e Recursos Hídricos, em conjunto com Coordenação de Endemias da Secretaria de Saúde de Araci serão responsáveis pela administração do canil provisório.

Comentários